Plin - Psicologia Infantojuvenil. Site especializado em conteúdo psicológico para crianças e adolescentes

Crianças com comportamentos agressivos

por Etiene Macedo

Há crianças que se comportam de modo mais agressivo: mordem, chutam, gritam, batem a cabeça na parede, puxam os cabelos, perdem o fôlego. Quando situações como essa acontecem, é fundamental manter a calma.

Especialmente para as crianças menores de 3 anos, que ainda tem dificuldade de verbalizar como se sentem, é mais recorrente a ocorrência de comportamentos como esse.

Para comportamentos agressivos, mantenha a serenidade. Isso não significa aceitar o comportamento da criança. Mas sim, dar permissão para a expressão da agressividade e tentar construir com a criança outros caminhos para lidar com a raiva e a frustração.

Mantenha a firmeza e o respeito. Mesmo que pareça desnecessária ou exagerada, a manifestação de insatisfação é legítima porque é o modo como a criança lida com a frustração. Por isso é fundamental ajuda-la a ampliar os recursos para lidar com as emoções “negativas”.

O que você pode fazer?

Você pode manter um tom de voz tranquilo e confiante e explicar os motivos pelos quais ela será retirada daquela situação, ou a finalidade da sua atitude.

Busque contato visual e demonstre interesse em escutá-la. Você pode se curvar até a altura da criança e segurá-la, com amor e firmeza, chamando-a para conversar.

Ajude a criança a nomear como ela se sente. Estimule a criança a conversar sobre suas emoções. Expanda os significados do que ela expressa, com palavras parecidas ensinando-a nomear a raiva, medo, desespero, irritação, a decepção.

Lembre-se! É fundamental manter primeiro o autocontrole para então ajudar a criança a expressar suas emoções!

Beijos,

Etiene

Etiene Macedo Psicóloga com mestrado em Psicologia Clínica, doutorado em andamento em Psicologia Clínica (Unb) e pós-graduação em andamento em Terapia de Casais e Famílias (PUCGO). Sócia e colunista do Plin.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *